57º Dia Mundial de Oração pelas Vocações

No dia 3 de maio, quarto domingo de Páscoa, será comemorado o 57º Dia Mundial de Oração pelas Vocações. Em comemoração a este dia, a Diocese de Foz do Iguaçu sugere que façamos o terço pelas vocações no dia 30/04 e 02/05. Por isso, está oferecendo uma sugestão de roteiro em preparação a esse dia. Além do terço, teremos a Santa Missa do Sagrado Coração de Jesus, no dia 01/05 e a Missa do Dia Mundial das Orações pelas vocações no dia 03/05.

As Lives vocacionais serão transmitidas pelas plataformas digitais: @seminariodiocesanomedianeira, @diocesefoz, @PascomGuadalupe.

“Toda a vocação requer empenho. O Senhor chama-nos, porque nos quer tornar, como Pedro, capazes de ‘caminhar sobre as águas’, isto é, pegar a nossa vida para a colocar ao serviço do Evangelho, nas formas concretas que Ele nos indica cada dia e, de modo especial, nas diferentes formas de vocação laical, presbiteral e de vida consagrada”.

Papa Francisco

 

Roteiro: 

 

Santo Terço Pelas Vocações

TRIBULAÇÃO, GRATIDÃO CORAGEM E LOUVOR

 

SIMBOLOGIA/AMBIENTE – NOS PEQUENOS GRUPOS (PARÓQUIAS) E NAS CASAS

*  Mesa com uma toalha Branca, para quem estiver acompanhando em casa, pela Internet.

  • Vela
  • Bíblia
  • Foto de nossos Bispos (se possível)
  • Foto do seu Pároco (Se possível)
  • Fotos – de sua Família
  • Fotos de Religiosos e/ou religiosas de sua Paróquia (Se houver)
  • Cajado (se possível): Representando o Bom Pastor
  • Sandálias
  • Uma cartolina contendo as Palavras: Tribulação, Gratidão Coragem e Louvor

 

MISTÉRIOS VOCACIONAIS

  • Creio
  • Pai Nosso ….
  • Três Ave Marias

 

PRIMEIRO MISTÉRIO: A Busca: Então Jesus voltou-se para eles e, vendo que o seguiam, perguntou-lhes: ‘A quem procurais? “Responderam-lhe: “Rabi – que quer dizer Mestre – onde moras?” Ele disse: ‘Vinde e vede’. Eles foram, viram onde morava e ficaram com ele aquele dia. Eram quase quatro horas da tarde’ (Jo 1,38-39).

“Onde moras?” é a pergunta que os discípulos André e João colocavam. Ela não é mais do que a expressão de uma mesma busca que todos inquietamente fazemos: “onde está a felicidade?”. Por isso, vale sempre a pena re-colocar esta pergunta: você é feliz?

  • Rezar um Pai Nosso e Dez Ave

 

CANTO APÓS O 1º MISTÉRIO:

NO MEU CORAÇÃO SINTO O CHAMADO FICO INQUIETO: PRECISO RESPONDER, ENTÃO PERGUNTO: “MESTRE, ONDE MORAS?” E ME RESPONDES QUE PRECISO CAMINHAR. SEGUINDO TEUS PASSOS, FAZENDO A HISTÓRIA, CONSTRUINDO O NOVO NO MEIO DO POVO. SEGUINDO TEUS PASSOS, FAZENDO A HISTÓRIA, CONSTRUINDO O NOVO NO MEIO DO POVO. MESTRE, ONDE MORAS? MESTRE, ONDE ESTÁS? NO MEIO DO POVO. VEM E VERÁS. NO MEIO DO POVO. VEM E VERÁS.

 

 

SEGUNDO MISTÉRIO: O Chamado: E Jesus lhes disse: ‘Vinde comigo, e eu farei de vós pescadores de homens’. Deixando imediatamente as redes, eles o seguiram” (Mc 1,17-18).

Os discípulos percebem em Jesus Cristo algo de diferente, algo de autêntico e profundo e, por isso, aceitam deixar imediatamente as redes e segui-Lo. Quantas vezes ficamos agarrados àquilo que deixamos ou ao comodismo da mediocridade? E você? Já cruzastes com Cristo pelo caminho? Que tens feito perante o mesmo desafio?

 

  • Rezar um Pai Nosso e Dez Ave

CANTO APÓS O 2º MISTÉRIO:

ME CHAMASTE PARA CAMINHAR NA VIDA CONTIGO. DECIDI PARA SEMPRE SEGUIR-TE, NÃO VOLTAR ATRÁS. ME PUSESTE UMA BRASA NO PEITO E UMA FLECHA NA ALMA. É DIFÍCIL AGORA VIVER SEM LEMBRAR-ME DE TI. TE AMAREI, SENHOR, TE AMAREI, SENHOR. EU SÓ ENCONTRO A PAZ E A ALEGRIA BEM PERTO DE TI.

 

 

TERCEIRO MISTÉRIO: O Seguimento: “Então Jesus disse aos discípulos: ‘Se alguém quiser vir após mim, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e me siga. Pois quem quiser salvar a sua vida, vai perdê-la; mas quem perder a sua vida por amor de mim, há de encontrá-la’” (Mt 16,24-25).

Rapidamente a resposta afirmativa ao chamamento que nos é feito por Jesus Cristo traz consequências: segui-Lo implica amá-Lo, e amá-Lo implica aprender a imitá-Lo. Assim, como caminho de felicidade (seja como leigos, como ministros ordenados, ou como religiosos) nos é apresentada a cruz. Já fizeste a experiência na tua vida de como é dando que se recebe, é perdoando que se é perdoado, e é morrendo que se alcança a felicidade?

Rezar um Pai Nosso e Dez Ave Marias.

 

CANTO APÓS O 3º MISTÉRIO:

Cristo, quero ser instrumento de Tua. Paz e do Teu infinito amor. Onde houver ódio e rancor, que eu leve a concórdia, que eu leve o amor. ONDE HÁ OFENSA QUE DÓI. QUE EU LEVE O PERDÃO. ONDE HOUVER A DISCÓRDIA, QUE EU LEVE A UNIÃO E TUA PAZ. Onde encontrar um irmão. A chorar de Tristeza. Sem ter voz e nem vez. Quero bem no seu coração. Semear alegria. Pra florir gratidão. Mestre, que eu saiba amar Compreender, consolar e dar sem receber quero sempre mais perdoar trabalhar na conquista. E vitória da paz.

 

QUARTO MISTÉRIO: A Missão: “Ide, eu vos envio como cordeiros para o meio de lobos. […] Quando entrardes numa cidade e vos receberem comei do que vos for servido, curai os enfermos que nela houver e dizei-lhes: ‘O reino de Deus está próximo de vós’ (Lc 10, 3-9).

Muitas vezes, somos colocados em contextos onde há muito pouca esperança. Porque é que tantas pessoas não conhecem a alegria de saber que o reino de Deus está perto de cada um de nós? Como tem sido o nosso testemunho enquanto cristãos? Como tem sido o nosso trabalho de engajamento em nossas comunidades?

  • Rezar um Pai Nosso e Dez Ave

CANTO APÓS O 4º MISTÉRIO

BUSCAI PRIMEIRO O REINO DE DEUS. E A SUA JUSTIÇA. E TUDO MAIS VOS SERÁ ACRESCENTADO ALELUIA! ALELUIA!

NÃO SÓ DE PÃO O HOMEM VIVERÁ, MAS DE TODA PALAVRA, QUE PROCEDE DA BOCA DE DEUS ALELUIA! ALELUIA!

SE VOS PERSEGUEM POR CAUSA DE MIM. NÃO ESQUEÇAIS O PORQUÊ, NÃO É O SERVO MAIOR QUE O SENHOR. ALELUIA! ALELUIA!

QUER COMAIS, QUER BEBAIS. QUER FAÇAIS QUALQUER COISA, TUDO FAZEI PARA A GLÓRIA DE DEUS. ALELUIA! ALELUIA!

 

QUINTO MISTÉRIO: A Fidelidade Radical: “[…] As raposas têm tocas e os pássaros do céu, ninhos, mas o Filho do homem não tem onde repousar a cabeça”. […] “Deixa que os mortos enterrem os seus mortos. […] “Quem põe a mão no arado e olha para trás não é digno de mim” (Lc 57-62). Jesus Cristo, sacerdote único e eterno, faz com que nunca se apague em nós a certeza de que só permanecendo em Ti encontramos sentido para a vida.

  • Rezar Um Pai Nosso e Dez Ave Marias e Concluir com a Salve Rainha e a Oração Vocacional

 

CANTO APÓS O 5º MISTÉRIO

EIS-ME AQUI, SENHOR! EIS-ME AQUI, SENHOR!

PRA FAZER TUA VONTADE, PRA VIVER DO TEU AMOR PRA FAZER TUA VONTADE, PRA VIVER DO TEU AMOR EIS-ME AQUI, SENHOR!

 

LOGO APÓS A CONCLUSÃO DO TERÇO – E ANTES DA BÊNÇÃO FINAL

 

ORAÇÃO A MARIA – COM O PAPA FRANCISCO

 

«À vossa proteção, recorremos, Santa Mãe de Deus».

Na dramática situação atual, carregada de sofrimentos e angústias que oprimem o mundo inteiro, recorremos a Vós, Mãe de Deus e nossa Mãe, refugiando-nos sob a vossa proteção.

Ó Virgem Maria, volvei para nós os vossos olhos misericordiosos nesta pandemia do coronavírus e confortai a quantos se sentem perdidos e choram pelos seus familiares mortos e, por vezes, sepultados duma maneira que fere a alma. Sustentai aqueles que estão angustiados por pessoas enfermas de quem não se podem aproximar, para impedir o contágio. Infundi confiança em quem vive ansioso com o futuro incerto e as consequências sobre a economia e o trabalho.

Mãe de Deus e nossa Mãe, alcançai-nos de Deus, Pai de misericórdia, que esta dura prova termine e volte um horizonte de esperança e paz. Como em Caná, intervinde junto do vosso Divino Filho, pedindo-Lhe que conforte as famílias dos doentes e das vítimas e abra o seu coração à confiança.

Protegei os médicos, os enfermeiros, os agentes de saúde, os voluntários que, neste período de emergência, estão na vanguarda arriscando a própria vida para salvar outras vidas. Acompanhai a sua fadiga heroica e dai-lhes força, bondade e saúde.

Permanecei junto daqueles que assistem noite e dia os doentes, e dos sacerdotes que procuram ajudar e apoiar a todos, com solicitude pastoral e dedicação evangélica.

Virgem Santa, iluminai as mentes dos homens e mulheres de ciência, a fim de encontrarem as soluções justas para vencer este vírus.

Assisti os Responsáveis das nações, para que atuem com sabedoria, solicitude e generosidade, socorrendo aqueles que não têm o necessário para viver, programando soluções sociais e económicas com clarividência e espírito de solidariedade.

Maria Santíssima tocai as consciências para que as somas enormes usadas para aumentar e aperfeiçoar os armamentos sejam, antes, destinadas a promover estudos adequados para prevenir catástrofes do género no futuro.

Mãe amadíssima, fazei crescer no mundo o sentido de pertença a uma única grande família, na certeza do vínculo que une a todos, para acudirmos, com espírito fraterno e solidário, a tanta pobreza e inúmeras situações de miséria. Encorajai a firmeza na fé, a perseverança no serviço, a constância na oração.

Ó Maria, Consoladora dos aflitos, abraçai todos os vossos filhos atribulados e alcançai-nos a graça que Deus intervenha com a sua mão omnipotente para nos libertar desta terrível epidemia, de modo que a vida possa retomar com serenidade o seu curso normal.

Confiamo-nos a Vós, que resplandeceis sobre o nosso caminho como sinal de salvação e de esperança, ó clemente, ó piedosa, ó doce Virgem Maria. Amém

Deixe uma resposta