AS NOÇÕES DE ECONOMIA ILUMINADA PELA DOUTRINA SOCIAL DA IGREJA

O que é economia? É um ecossistema complexo de mercado e consumo. Quais são os modelos econômicos espalhados pelo mundo? Podemos dividir basicamente em duas: economia de livre mercado ou liberal chamada capitalista. A economia comandada ou comunista. E ainda o é chamado de economia mista que junta os princípios da primeira se acrescenta algo a mais.
O primeiro grande sistema econômico foi o feudalismo: Rei, nobres, clero, camponeses faziam parte dessa sociedade. Era uma economia agrária comandada. (Ainda existe)
Começa a Revolução industrial e consequência disso os cercamentos. Começa uma mudança no sistema econômico.
Qual era a realidade das fábricas? Crianças trabalhavam a partir dos sete anos, mulheres com carga horaria de até 14 horas por dia, claro que algum direito trabalhista era impensável nesse período.
Em 1776 Adam Smith escreveu o livro as riquezas das nações e a teoria da mão invisível “lembro que Delfim Neto Ministro da economia do último governo militar dizia que tinha que aumentar o bolo para depois dividir”
Mas nesse sistema embora liberal, nem todos conseguem a parte do bolo ao contrário os ricos se tornam cada vez mais ricos e o resto são apenas um meio de produção e consumo, essa riqueza não leva em conta os desempregados e desfavorecidos, os pobres tem pouca chance no sistema ou na época nenhuma.
Sendo assim os trabalhadores começaram a reclamar e ai surge uma luta de classe com as chamadas ideias socialistas ou comunistas como ficou conhecida depois. Que se fundamentava na derrubada ou tomada do poder dos ricos e entregue para os trabalhadores, isso tudo inspirados no manifesto comunista de 1948. Escrito Karl Marx, o que parecia o ideal e muitos trabalhadores aderiram a ideia.
Ai temos o conflito entre de classe entre trabalhadores e ricos industriais que não estavam nem ai para seus problemas.
Como os trabalhadores estavam cansados de ser explorados por ricos católicos, excluíram Deus e a religião visto que para ele o capitalismo representava tal.
Houve o sonho de uma sociedade igualitária sem desigualdades e injustiças, porem isso não aconteceu. Seus líderes os usaram e viveram como capitalistas. Nesse contexto houveram as contra revoluções como a do líder do sindicato solidariedade Alex Walesa na Polônia.
O sistema socialista concentra tudo na mão do Estado o que não motiva o cidadão que fica dependente. Se o capital não valoriza o trabalhador o socialismo não resolve suas angustias e seus problemas.
A Rerum Novarum não aprovava o que estava acontecendo com os trabalhadores, mas por outro lado a Igreja não concordava com o modelo socialista. Para a Encíclica o capital não deve estar acima do salário. O salário deve ser justo que seja capaz de sustentar sua família, o estado deve mediar o bem comum, não pode pensar no crescimento da economia apenas de uma nação sem pensar nas pessoas que ai estão.
Alguns aspectos da Doutrina Social da Igreja: O empregador e empregado, como dividira a riqueza, para isso basta que haja a honestidade; justa distribuição da riqueza que ela não seja de poucos mas de todos; o combate ao isolamento crescente dos trabalhadores, promovendo as associações não para a luta de classe mas, para inverter uma situação injusta; preocupação com os valores morais. A igreja via Deus fora dos dois sistemas; Conceito de propriedade privada, existe obrigações, no fim deve prevalecer o bem comum.
A Igreja tem preocupação tanto com o capitalismo quanto com o socialismo ou comunismo. No capitalismo o trabalhador estava desprotegido e explorado e cada dia aumentava sua miséria, imagine sem direito, sem nenhum seguro social, sem aposentadoria, ficar doente era estar condenado a morte. O capitalismo continuou dando trabalho a Igreja, com o fim do socialismo ficou a impressão que a igreja concorda com o único sistema que ficou o capitalismo. A Doutrina social não existe para defender um sistema econômico ou político, a Igreja criticou claramente os dois. Qual o sistema da Igreja? Defende aquele que é baseado na justiça

Por: Mario Felicio 

Deixe uma resposta